Proactive

proActive participou da Expo Arquitetura Sustentável 2015

Durante a Expo Arquitetura Sustentável 2015, que aconteceu de 10 a 12 de novembro em São Paulo, mais de 8 mil visitantes qualificados passaram pelo evento. Consolidando-se como a principal plataforma de negócios da construção sustentável, o evento contou com apoio de 17 certificações ambientais e reuniu 100 marcas expositoras, voltadas para soluções, tecnologias e produtos sustentáveis para arquitetura e construção civil. Além disso, ocorreram em paralelo várias Conferências, dois dias dedicados exclusivamente ao Processo de Certificação AQUA, curadoria de responsabilidade da Fundação Vanzolini. Ao todo, as conferências atraíram 800 agentes do setor da Construção Civil, promovendo um debate proativo em prol do Desenvolvimento Sustentável. (Fonte: Expo Arquitetura Sustentável, 17/11/2015)

No dia 12 pela manhã, a coordenação das palestras, AQUA-HQE: A CULTURA E A PRÁTICA DA CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL, ficou sob a responsabilidade da proActive.

Confira o conteúdo das palestras e participem desse processo de transformação de desafios em oportunidades. Leia Mais

Crescimento Sustentável: o papel de toda a sociedade neste desafio

A preocupação com o crescimento sustentável das cidades não pode estar apenas presente na pauta de projetistas e construtores. O tema deve ser de interesse de todos, inclusive dos consumidores, da sociedade. Claro que está na mão dos empresários o poder de definir quais os princípios que nortearão seus empreendimentos, mas é inegável o poder de fogo dos seus clientes e a importância da sua consciência ambiental para assegurarmos que o setor da construção civil dará maior atenção aos impactos causados pelas novas construções nas cidades.

Leia Mais

Fachadas, Muros e Coberturas Verdes

O desenvolvimento sustentável deve atender às necessidades do presente, sem comprometer o atendimento das necessidades de gerações futuras. Este conceito foi publicado em 1987, no Brundtland Report, relatório emitido pela Comissão Mundial das Nações Unidas para o Meio Ambiente e Desenvolvimento (World Commission on Environment and Development) ou Brundtland Commission, criada em 1983, pelas Nações Unidas. O objetivo era definir políticas e estratégias de desenvolvimento sustentável nos âmbitos social, econômico e, sobretudo, ambiental.

Leia Mais

Cadastre-se e receba Nossa News